Domingo, 25 de Janeiro de 2009
A GIGANTE E FAMINTA SERPENTE ANACONDA EM AÇÃO !


 

 


 


ASSISTA VIDEO DA ANACONDA EM AÇÃO


 

Nomes alternativos: sucuriju, sucurijuba, boiçu (português e tupi), anaconda (francês, espanhol, holandês e inglês), amaru (quéchua), water boa (inglês).


 

Características

A sucuri tem um corpo verde-escuro, com manchas ovais pretas. Olhos e narinas estão no alto da cabeça, para que possa ver e respirar enquanto nada. O comprimento médio é de cinco metros; a da foto tem cerca de seis metros. A maior sucuri cujo comprimento foi comprovado sem dar margem a dúvidas (por uma pele no Museu de Londres) tinha 8,80 m, mas o Marechal Cândido Rondon afirmou ter medido uma sucuri de 11,60 m.
Suas presas habituais incluem peixes, sapos, tartarugas, lagartos, serpentes, jacarés, aves, cutias, pacas, capivaras, queixadas, caititus, antas, veados e macacos. Ocasionalmente invade fazendas e até cidades para predar galinhas e outros animais domésticos. As maiores são capazes de engolir um bezerro (mas não um boi adulto). Como regra geral, uma sucuri ataca qualquer animal que tenha peso igual ou menor que o seu próprio. Isso inclui seres humanos, se a pessoa estiver dentro ou próximo ao ambiente aquático (rio ou lagoa) e houver uma sucuri de grande tamanho que esteja sem se alimentar.
Também podem morder instintivamente, por defesa, qualquer pessoa que se aproxime, quando não podem fugir nadando. A mordida não é venenosa, mas pode deixar dentes presos na carne e causar infecção. Como a maioria das serpentes, possui alguma percepção do infravermelho, que permite perceber a presença de objetos quentes no escuro ou através de folhas.
A sucuri é uma caçadora noturna e solitária e passa a maior parte do seu tempo na água, onde atinge velocidades bem maiores que em terra. Submersa, aguarda a presa pacientemente, mantendo apenas o focinho acima da superfície. Quando um animal passa por perto ou se detêm para beber, ela o agarra com uma mordida e se enrola em torno de seu corpo, apertando-o até que sufoque ou se afogue. Em terra, pode esperar pendurada em árvores, agarrar a presa de cima e enrolar-se em torno dela. A vítima dificilmente é esmagada: a sucuri apenas a comprime com força suficiente para impedi-la de respirar. As maiores podem matar um cavalo. Como a digestão é muito lenta, depois de uma refeição a sucuri passa muito tempo simplesmente descansando ao sol. Se necessário, pode sobreviver mais de um ano sem se alimentar.
A fêmea libera um feromônio que atrai os machos e copula com cinco a doze deles. Durante o ato, os animais permanecem enrolados numa enorme bola de serpentes. As sucuris são ovovivíparas, ou seja, chocam os ovos dentro do próprio corpo. Após um período de seis meses a sucuri dá à luz de 20 a 40 filhotes que nascem com cerca de 70-80cm e totalmente auto-suficientes. Atingem a maturidade em seis anos e podem viver (e crescer) até os 30 anos, mas a maioria provavelmente não vive além dos 10.
Em termos de jogo, o ataque de uma sucuri começa por uma Mordida para agarrar a vítima, seguida pelo enroscamento. Se em seguida a sucuri perder uma disputa de Forças com a vítima, esta se liberta. Se empatar, a luta continua. Se vencer a disputa por uma margem de um grau, esta pára de respirar, mas pode fazer novas tentativas a cada segundo enquanto não perder a consciência. Se a sucuri vencer por dez graus ou mais, quebrará os ossos da vítima, provocando dano de +2 a cada segundo. Se a vítima morrer – normalmente por sufocação –, a sucuri o engolirá inteiro.
Uma pessoa que perca todas as disputa de Forças normalmente perderá a consciência em trinta segundos (sessenta se não tentar lutar), tempo que pode ser aumentado em função de sua Saúde e sua Habilidade Respirar, se a tiver. Morrerá em mais quatro minutos (prolongáveis apenas em função da Saúde), mas se for libertada a tempo, recuperará rapidamente a consciência.
Se a pessoa não consegue libertar-se, seus companheiros podem ajudar. Um adulto normalmente consegue libertar-se de uma sucuri (ou cobra semelhante) de até quatro metros de comprimento. Dois adultos conseguem sobrepujar uma sucuri de cinco ou seis metros. São precisos três para dar conta de uma sucuri de sete metros, quatro para uma de oito ou nove metros, cinco para uma de dez metros, seis para uma de onze metros e sete para uma de doze metros. Se a sucuri for morta, perder a consciência ou for seriamente ferida (dano de grau 2 ou superior), também libertará a vítima.
Distribuição e subespécies

A espécie Eunectes murinus é encontrada nos rios e lagos da ilha de Trinidad, Venezuela, Colômbia, Bolívia, Peru, Equador, Guiana, Guiana Francesa e Brasil, da Amazônia ao Paraná. Há duas outras espécies, menores: Eunectes deschauenseei, que ocorre no Leste do Pará (incluindo a Ilha de Marajó) e na Guiana Francesa, com cerca de três metros de comprimento e Eunectes notaeus, que ocorre no Pantanal (Brasil) e no Chaco da Argentina, Paraguai e Bolívia, com tamanho máximo de quatro metros de comprimento.



publicado por alexandrebadu às 05:43
link do post | comentar | favorito
|

5 comentários:
De Jessica a 8 de Março de 2011 às 15:50
cobras sao facinantes eu adoro!mais galera toma cuidado que cobras sao traiçoeiras


De murilo a 2 de Novembro de 2011 às 19:20
Que coisa essas cobras podem fazer


De tatiane a 25 de Novembro de 2012 às 18:04
Asustador


De Junior a 8 de Janeiro de 2013 às 00:46
Muito bom! e bom para ficar previnido contra uma delas


De Marthins a 22 de Maio de 2013 às 15:37
esses caras sao loucos


Comentar post

.mais sobre mim
.Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
17

20
24

26
27
29
31


.posts recentes

. ALEXANDRE BADÚ VIDEOS 8

. ALEXANDRE BADÚ VIDEOS 7

. ALEXANDRE BADÚ VIDEOS 6

. ALEXANDRE BADÚ VIDEOS 5

. ALEXANDRE BADÚ VIDEOS 4

. ALEXANDRE BADÚ VIDEOS 3

. ALEXANDRE BADÚ VIDEOS 2

. ALEXANDRE BADÚ VIDEOS 1

. BLOGGER ALEXANDRE BADU- S...

. A GIGANTE E FAMINTA SERPE...

.arquivos

. Janeiro 2009

.tags

. todas as tags

.pesquisar
 
blogs SAPO
.subscrever feeds